Início Destaque Sem salário, sem décimo e sem ajuda do prefeito, rodoviários anunciam greve...

Sem salário, sem décimo e sem ajuda do prefeito, rodoviários anunciam greve em Manaus
Transporte público sucateado

480
0

Às vésperas do Natal, sem dinheiro para pagar as contas, comprar um pão amanhecido para fazer uma rabanada ou sonhas com um peru e um vinho, os rodoviários de Manaus resolveram radicalizar e entrar em greve a partir da próxima segunda-feira. Enquanto o prefeito Arthur Neto posa para fotos em frente a obras não inauguradas e diz que é o melhor gestor da história de Manaus, o transporte público agoniza.

Arthur prometeu BRT, prometeu organizar o sistema, decretou intervenção, mas a verdade é que não passou nem perto de acabar com essa bagunça; Os ônibus são velhos, a passagem é cara, a segurança para usuários e trabalhadores fica a cargo de Deus, e agora nem salário e décimo eles recebem.

Fica a missão para David Almeida, que certamente já trabalha pensando em como fará para descascar esse abacaxi. Arthur, que passou pela Prefeitura três vezes, falhou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui