Início Policial Seis meses após matar filho, facção volta e executa pai no Coroado

Seis meses após matar filho, facção volta e executa pai no Coroado

221
0

Guilherme Alberto Martins Aires,49 anos, foi assassinado a tiros no Coroado, na terça-feira, seis meses após o filho dele, Maicon William Maciel que tinha 24 anos, ter o mesmo destino. Uma facção criminosa é investigada pelos dos cirmes.

De acordo com a 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Guilherme na frente do bar, junto aos amigos, quando os pistoleiros o acertaram. Ele ainda foi socorrido para o Hospital João Lúcio, mas morreu.

O crime é investigado como guerra entre facções criminosas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui