Início Policial ‘Donos de Comunidade’ são presos com armamentos, drogas e munições na Zona...

‘Donos de Comunidade’ são presos com armamentos, drogas e munições na Zona Norte
Eles confessaram que fazem parte de uma organização criminosa e que a função deles seria de armazenar esse material para posteriormente serem distribuídos na capital

352
0
Foto: PC-AM

A equipe de investigação do 18° Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando da delegada-geral Emília Ferraz e do delegado Ricardo Cunha, titular da unidade policial, deflagrou ação nesta quarta-feira (03/06), por volta das 14h, que resultou na prisão em flagrante de Edicléia Almeida da Rocha, 18, e Humberto Menezes de Sá, 28. Com eles, os policiais apreenderam armas de fogo, drogas e munições em uma comunidade, no bairro Colônia Terra Nova, zona norte de Manaus.

O resultado da operação foi divulgado ainda nesta quarta, às 16h30, durante coletiva de imprensa realizada no prédio do 18° DIP, no bairro Novo Israel, zona norte da capital. De acordo com a autoridade policial, as diligências tiveram início após denúncias anônimas feitas na própria delegacia, informando que a dupla estava comercializando substâncias entorpecentes e se intitulava dona da comunidade conhecida como Celebridade da Torquato, na rodovia Vidal de Mendonça, bairro Colônia Terra Nova.

Material apreendido – Foto: Divulgação/PC-AM

“Com base nas informações repassadas, iniciamos as investigações para identificar as pessoas envolvidas e descobrimos que, na tarde desta quarta, eles estariam armazenando grande quantidade de armas de fogo, drogas e munições de uma organização criminosa que atua na cidade”, explicou o delegado.

O titular do 18° DIP relatou, ainda, que foi realizada a abordagem em Edicléia, porém, Humberto tentou empreender fuga, mas foi preso ainda no local. Eles confessaram que fazem parte de uma organização criminosa e que a função deles seria de armazenar esse material para posteriormente serem distribuídos na capital.

Delegado Ricardo Cunha – Foto: Divulgação/PC-AM

“Ambos já possuem passagens pela polícia. Humberto já responde por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, inclusive, ele está fazendo uso de tornozeleira eletrônica e respondendo ao processo em liberdade”, disse Cunha.

Apreensões – No local, as equipes apreenderam quatro carabinas, sendo duas calibre 22, uma calibre 44 e outra 38; uma pistola 9 milímetros; um revólver calibre 32 e uma escopeta calibre 12. Também foram apreendidas 67 munições de calibre 22, 11 munições de calibre 38, seis cartuchos, três carregadores de pistola e dois coletes balísticos. Os policiais encontraram, também, 151 trouxinhas de oxi, 40 trouxinhas de cocaína e cinco porções de maconha.

Procedimentos

Edicléia e Humberto foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, posse e porte irregular de arma de fogo de uso permitido e restrito. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, eles serão encaminhados para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde deverão passar por audiência de custódia por videoconferência.

*Com informações da assessoria 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui