Início Destaque Governo do Amazonas realiza Dispensa de Licitação para serviços no Hospital Nilton...

Governo do Amazonas realiza Dispensa de Licitação para serviços no Hospital Nilton Lins

200
0

Após os problemas que resultaram na Operação Sangria, CPI da Saúde, prisão de membros do alto escalão do Governo e até pedido de prisão do governador Wilson Lima, nesta segunda o governo do Amazonas anunciou que  por meio do Centro de Serviços Compartilhados (CSC-AM), iniciou o processo de Dispensa de Licitação, com o objetivo de contratar empresas e pessoas jurídicas que estejam interessadas na prestação de serviços para o Hospital Nilton Lins, referência para o tratamento da Covid-19.

Durante o primeiro pico de Covid o Governo comprou respiradores em loja de vinhos por preços muito acima do mercado, e segue respondendo por isso. Até um processo de impeachmet foi protocolado contra o governador e o vice, Carlos Almeida.

A ação ocorreu na sede do CSC, localizada na Rua Belo Horizonte, bairro Adrianópolis, com sessões públicas às 8h30, 10h30 e 12h30, todas abertas ao público, garantindo assim a lisura do processo. Para o presidente do CSC, Walter Brito, foi fundamental a decisão do governador Wilson Lima de tornar o processo, até então realizado de forma inédita no Brasil, o mais transparente possível.

“Importante ressaltar que esse procedimento é inédito, não se conhece e no estado do Amazonas jamais foi feito, no Brasil também se desconhece. Nós já tivemos um chamamento público só que por e-mail para comprar teste de Covid, foi comprado pelo TCE. Essa sessão também foi gravada e está sendo acompanhada pelos órgãos de controle, dando maior transparência e legitimidade possível”, destaca Walter Brito.

Ao todo, participaram do processo 19 empresas e pessoas jurídicas especializadas em serviços na área da saúde. Os chamamentos continuarão nesta terça e quarta-feira (12 e 13/01). Foram abertas licitações para prestação de oito serviços, sendo eles: procedimentos em nefrologia e terapia renal substitutiva; lavanderia hospitalar externa; diagnóstico por imagem; locação de um contêiner frigorífico; apoio administrativo, maqueiro e agente de portaria; conservação e limpeza; serviços médicos de cirurgião vascular; e serviços de T.I.

Trâmites – Durante o pregão, as empresas candidatas apresentaram suas propostas com os valores globais para avaliação. As melhores propostas foram selecionadas e as empresas passaram a ser credenciadas para a realização dos serviços propostos.

Hospital Nilton Lins – O Governo do Amazonas solicitou, na sexta-feira (08/01), a requisição do Hospital Nilton Lins para abrir 103 leitos exclusivos para pacientes com Covid-19. A medida, comunicada aos órgãos de controle, tem como objetivo assumir a gestão do hospital, requisitando tanto os espaços físicos como toda a estrutura de equipamentos e mobiliários da unidade. A expectativa é de que a unidade entre em funcionamento até quarta-feira (13/01).

Nesta segunda Wilson Lima apresentou as instalações do hospital para o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e para o prefeito David Almeida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui