Início País Mãe dá à luz a trigêmeos prematuros e vai direto para a...

Mãe dá à luz a trigêmeos prematuros e vai direto para a UTI com Covid
Drama

203
0

A família de Caroline Grimaldi Gotardo, de 39 anos, está pedindo ajuda nas redes sociais. Ela teve trigêmeos em Capecó 9SC), e foi parar na UTI, intubada, por causa da Covid. As crianças também estão internadas, pois nasceram prematuras.

A mulher está no Hospital Regional do Oeste, em Chapecó (SC), desde o dia 22 de fevereiro. “No dia 16, ela já começou a sentir sintomas: tontura, falta de ar, começou com uma dor de garganta. Fomos procurar a equipe médica aqui em Maravilha e foram feitos os testes do vírus e positivou. Para nós, foi um susto enorme. Com a gravidez de risco e agora com o vírus, a gente ficou muito preocupado”, afirma o marido, Irno José.

“Como a gente não pode entrar, não pode vê-la devido à circunstância da Covid-19, é uma precaução pra nós também. A gente entende perfeitamente que são medidas que precisam ser tomadas. Diariamente eu consigo algumas informações via telefone com a área médica. Graças a Deus, dentro das possibilidades deles, a gente sabe que estão sobrecarregados, eles vêm nos informando e nos deixando a par de tudo.”

Os rins são a maior preocupação. “Estamos na torcida para que os rins comecem a dar uma resposta melhor e que não precise fazer hemodiálise. Mas o quadro dela está estável graças a Deus”, disse o esposo e pai aflito, que também tem Gustavo, de 16 anos, Giovana, 11, e Ana Lívia, de 1 ano e 9 meses.

Para conseguir manter o sustento da família, demais parentes e amigos sugeriram que ele fizesse um financiamento coletivo. “Já faz três semanas que não estou conseguindo trabalhar. Eu trabalho como autônomo vendendo produtos e dependo da venda pra sustentar a família. Essa ajuda que a gente vem pedindo através das redes sociais é justamente para que eu possa permanecer em casa por um certo período para auxiliar no cuidado das crianças.”, disse Irno José. “Não estou querendo abusar de ninguém. São situações que a gente nunca imaginou passar.”

Os bebês, Alice, Manuela e Theo, nasceram de 30 semanas, pesando cerca de 1,2 kg. “Consegui ir até o hospital, entrar e ver os meninos, meus pequenos, duas meninas e um menino. Foi emocionante, o dia de hoje pra mim foi fantástico — afirmou. — Estão os três reagindo bem à alimentação. Mas ainda é um caso de risco, eles ainda estão na UTI. Mas eu tenho fé que tudo vá acabar bem.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui