Início Cidade Direto do front da Covid nas escolas: “São tantos casos que não...

Direto do front da Covid nas escolas: “São tantos casos que não consigo mais contar”

912
0

Coordenadora da base de professores da Zona Leste, a professora Elisandra Silvino Martins é testemunha ocular dos casos de covid nas escolas de Manaus. É ela quem recebe os diagnósticos e os repassa para o Ministério Público do Trabalho e ao Sindicato dos Professores. O relato dela dá uma dimensão do que está acontecendo nas escolas de Manaus. “Temos em Média de três a 7 casos por dia. Agora, passadas três semanas do retorno dos professores às escolas, pois a semana pedagógica iniciou dia 6, estamos com tantos casos que não consigo mais contabilizar.”

Professora há 23 anos, Elisandra jamais viu uma stuação tão angustiante. Ela mesma, é vítima da pandemia. De tanto ver colegas doentes e contabilizar os casos, está com trauma pscológico agravado outros problemas médicos. Doente, pediu uma licença na Seduc, que foi negada. “Acompanhei muitos alunos e amigos doentes na Pandemia. Sou professora 60h, tenho grupos de alunos das 3 escolas pela Semed e Seduc. Vi muitos relatarem os óbitos de familiares. Vi amigos morrerem pelo Covid.”

Diante de tudo o que está acontecendo nas unidades de ensino, enquanto tenta ajudar colegas e pensa na situação dos alunos das escolas Vasco Vasquez e Pardre Luis Ruas, a professora vê com tristeza a volta às aulas em Manaus. “Retorno conturbado. Na primeira semana muitas escolas não ofertaram EPIs completo para a realização de trabalho com grande exposição. Nem todas as escolas possuíam material completo para higienização das mesmas. Haviam muitas denúncias nesse sentido”.

Já são 342 infectados e sensação de insegurança dentro das unidades. “O que iniciou com muitas promessas e obrigatoriedade severa de retorno presencial, posso afirmar agora que está virando um.grande caos. Alunos indo dois dias na Semana não salvará o ano letivo.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui