Início Destaque Em Manaus, homens são detidos por furto de receptação de motocicleta avaliada...

Em Manaus, homens são detidos por furto de receptação de motocicleta avaliada em R$16 mil

162
0
Foto: Divulgação/PC

A Equipe de investigação do 9° Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado Pablo Geovanni, titular da unidade policial, indiciou, na manhã da última segunda-feira (02/03), por volta das 11h, Evaldo Aquino Gomes, 39, autor do furto de uma motocicleta que estava nas dependências de uma concessionária, situada na avenida Autaz Mirim, bairro São José Operário, zona leste de Manaus. O crime aconteceu na madrugada do dia 23 de fevereiro deste ano. Ainda, durante a ação policial, Edmar da Silva Bastos, 28, foi preso em flagrante pela receptação da motocicleta.

Conforme a autoridade policial, as investigações em torno do caso iniciaram após a representante da concessionária formalizar Boletim de Ocorrência (BO) no prédio do 9° DIP. Na ocasião, a mulher informou que, ao chegar no trabalho, encontrou o teto do local danificado e a porta do estabelecimento aberta. Em seguida, constatou que uma motocicleta da marca Yamaha, modelo Fazer 250, de cor vermelha, havia sido furtada. A motocicleta está avaliada em R$ 16 mil.

Por não estar em situação de flagrante, que é a prisão durante a ação criminosa ou em perseguição durante o delito, o homem foi liberado e irá responder ao processo em liberdade.

“Após tomarmos conhecimento do fato, iniciamos as investigações e, em posse das imagens das câmeras do circuito interno do estabelecimento comercial, conseguimos identificar Evaldo como autor do crime. Durante diligências policiais, conseguimos localizar e prender o infrator em uma via pública do bairro São José Operário, que confessou o crime. Ele informou, ainda, que teria vendido a motocicleta para Edmar, pelo valor de R$ 400. Nos deslocamos ao endereço de Edmar, na rua Rio Sol, naquele mesmo bairro, onde encontramos o indivíduo em posse da motocicleta furtada”, explicou Geovanni.

Procedimentos – Encaminhados ao prédio do 9° DIP, Evaldo foi indiciado por furto qualificado. Por não estar em situação de flagrante, que é a prisão durante a ação criminosa ou em perseguição durante o delito, o homem foi liberado e irá responder ao processo em liberdade.

Já Edmar foi autuado em flagrante por receptação. Foi arbitrada fiança no valor de R$ 5 mil, porém pelo não pagamento do valor estipulado, ele foi encaminhado para audiência de custódia, no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da capital.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui