Início Policial Família desmente IML e afirma que corpo não é do motorista de...

Família desmente IML e afirma que corpo não é do motorista de APP desaparecido
O nome de Cassiano encontra-se no registro do Instituto Médico Legal

176
0
Foto: Divulgação

Ao contrário do registro que está no IML, o sogro do motorista de APP desaparecido desde a última terça-feira (3), Cassiano da Costa Silva, de 26 anos, desmentiu o Instituto Médico Legal (IML), na manhã desta segunda-feira (9), após não reconhecer o cadáver que foi encontrado no igarapé do 40. Porém, o registro da vítima consta no Sistema do Instituto, assim como a causa da morte; asfixia por afogamento. As buscas pelo trabalhador continuam, tanto na família quanto na polícia.

A esposa do desaparecido, Silvia Jéssica da Silva Oliveira, 25, relatou que, na ocasião do desaparecimento, o marido saiu para trabalhar como motorista de aplicativo de transporte e desde então, não foi mais visto. Ela disse que Cassiano saiu em um automóvel da marca Volkswagen, modelo Virtus MF, de cor azul, que não foi encontrado. Ele está desaparecido desde terça-feira, dia 3. Quem tiver informações, pode ligar a polícia, pelo 190.

O caso foi registrado e será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Apesar do desmentido, o nome de Cassiano segue no sistema do Instituto.

Estamos na torcida para que ele seja encontrado o quanto antes, e bem.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui