Início Política GOVERNADOR E SEBRAE DISCUTEM PARCERIAS PARA AUMENTAR EMPREGOS E RENDA NO INTERIOR

GOVERNADOR E SEBRAE DISCUTEM PARCERIAS PARA AUMENTAR EMPREGOS E RENDA NO INTERIOR

615
FOTO: DIEGO PERES/SECOM

O governador do Amazonas, Wilson Lima, recebeu, nesta segunda-feira (21), o novo presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-AM), Muni Lourenço, e a diretora-superintendente da instituição, Lamisse Said da Silva Cavalcanti. Na ocasião, eles discutiram parcerias para desenvolver projetos para geração de emprego e renda no interior do estado.

Na reunião, Wilson Lima destacou como prioridade de Governo o incentivo a novos empreendedores, garantindo a eles assistência técnica e crédito e estimulando a diversificação das atividades econômicas.

“A gente não pode deixar que o pequeno produtor rural plante seis meses e fique outros seis meses parado, sem renda, por conta da cheia, por exemplo. É preciso diversificar a produção, criar oportunidades, dar condições para o escoamento do que é produzido, aproximar quem produz de quem quer comprar”, disse o governador.

Wilson Lima ressaltou que é fundamental que o Governo crie condições para que novas alternativas econômicas se desenvolvam e a riqueza possa ser melhor distribuída em todo o estado. “Tudo isso passa pela capacitação, pela formação, pelo acompanhamento técnico. Temos que dar condições para que o nosso ribeirinho cresça economicamente e as grandes empresas comprem matéria-prima produzida nas comunidades do interior. A riqueza precisa ser melhor distribuída. Tudo está concentrado na capital”, frisou.

A parceria com o Sebrae, afirmou o governador, é importante nesse novo cenário, com a discussão e formalização de convênios com órgãos que compõem o sistema Sepror, como o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal do Amazonas (Idam) e a Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), a Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam)  e a Secretaria de Planejamento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplancti).

Também participaram da reunião com os representantes do Sebrae-AM, o secretário de Produção Rural, Petrúcio Pereira de Magalhães Júnior, o secretário da Seplancti, Jório de Albuquerque Veiga Filho, o presidente da Junta Comercial do Amazonas (Jucea-AM), Enio Luiz Ferrarini, a diretora-técnica do Sebrae no Amazonas, Adrianne Gonçalves, e a diretora-administrativa financeira da instituição, Ananda Carvalho.

Atualmente, o Sebrae-AM tem escritórios regionais em Itacoatiara, Parintins, Coari, Manacapuru e Tefé. Em outros 41 municípios do estado, a instituição mantém, em parceria com as prefeituras, as salas do empreendedor que contribuem com o desenvolvimento de negócios e dão assistência a quem se dedica a empreender.

O novo presidente do Conselho Deliberativo Estadual, Muni Lourenço, destacou o esforço da instituição em intensificar a presença no interior, e pediu apoio do governo no desenvolvimento de projetos.

Registros – O Governo quer, também, ampliar os registros de identificação geográfica (IG), emitido pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi), que valoriza a identidade e o valor dos produtos amazonenses. O peixe ornamental de Barcelos já possui esse selo, assim como o guaraná de Maués. A farinha do Uarini está em processo, e o abacaxi produzido em Novo Remanso, distrito de Itacoatiara, logo receberá o selo e ficará conhecido como o abacaxi mais doce do Brasil.

Artigo anteriorAUTAZES VAI SEDIAR MMA COM DISPUTA INTERNACIONAL
Próximo artigoPOLÍCIA PRENDE JOVEM ENVOLVIDO EM ROUBO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui