Início Destaque Mãe de amazonense morta na Holanda se divide entre a dor e...

Mãe de amazonense morta na Holanda se divide entre a dor e a revolta
Crime covarde

571
0

Além da dor de perder a filha assassinada, a mãe de Alice Albuquerque vive outro sofrimento na Holanda. Ela afirma que as autoridades não estão dando atenção para o caso; Érica Albuquerque disse que a assassina, por ter 16 anos, pode estar livre em dois anos. Assim como no Brasil, ao que parece, menores infratores não são punidos na Holanda, um país de primeiro mundo. “Eu tirei minha filha do Brasil para ela ter um futuro melhor, bons estudos”, conta Érica, aos prantos, clamando por Justiça. “Aqui quem manda é o adolescente. Daqui dois anos essa assassina estará nas ruas. Me ajudem”

O corpo de Alice chega a Manaus neste sábado, após a família conseguir arrecadar R$ 50 mil para o translado. Ela foi morta há uma semana, por uma “amiga”, em uma emboscada que contou com a ajuda das irmãs e da mãe da suspeita. “Me ajudem. Precisamos mudar essa Lei. Chega de injustiça”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui