Início Destaque Plínio Valério quer volta do voto impresso: “Porque essa implicância?”Polêmica

Plínio Valério quer volta do voto impresso: “Porque essa implicância?”
Polêmica

422
0

O senador pelo Amazonas, Plínio Valério, foi às redes sociais defender a volta do voto impresso no Brasil. E mais do que isso, ameaçou mandar uma PEC para mudar o sistema eleitorial brasileiro, após os atrasos na contabilização das urnas domingo passado. “Depois das falhas na totalização e divulgação dos votos do 1° turno das eleições municipais, apelo aos presidentes do STF, Luiz Fux, e do TSE, Luís Roberto Barroso, que agilizem uma decisão definitiva sobre a lei do voto impresso, aprovada pelo Congresso Nacional em 2015 e Judiciário não cumpre.”

A tese é defendida por Jair Bolsonaro e seus apoiadores, mas o TSE afirma que o voto é seguro. “Se o STF não se manifestar de forma definitiva derrubando ou confirmando a lei do voto impresso em vigor, suspensa por liminares, vou apresentar no Senado uma PEC com o mesmo teor, para derrubar o argumento da inconstitucionalidade. A PEC pode sanar inconstitucionalidades.”

Plinio Valério disse que nada pode impedir essa mudança, nem mesmo a questão financeira. “Dinheiro não é desculpa. Recursos não faltam no orçamento bilionário do TSE para adequar o sistema de votação impressa para afastar o temor da fraude. Daqui até 2022, quando teremos eleições gerais, tem bastante tempo para o TSE se adaptar e fazer cumprir a lei que não foi derrubada.”

Por fim, ele disse que o sistema impresso é alvo de preconceito. “Porque essa implicância com o voto impresso? A lei foi aprovada pela maioria do Congresso, que tem autonomia para definir a legislação eleitoral. Se é inconstitucional, o STF tem que derrubar. Aí partimos para uma PEC que terá aplicação inquestionável.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui