Início Cidade Relatório comprova qualidade da água oferecida pela Águas de Manaus na cidade

Relatório comprova qualidade da água oferecida pela Águas de Manaus na cidade

167
0
Documento é entregue junto com a fatura de março - Foto: Divulgação

A água que chega às torneiras dos manauaras passa por um rígido controle de qualidade para ser oferecida de forma satisfatória para a população. O processo passa por manutenção e limpeza periódica nos reservatórios e poços tubulares profundos. Mais de 17 mil análises por mês de controle de qualidade de água são realizadas para garantir a saúde e qualidade de vida de mais de 2 milhões de pessoas da capital.

Água após passar pelo tratamento

Neste mês de março, o relatório da qualidade da água referente ao ano de 2019 está sendo entregue para os clientes da concessionária junto com as faturas. O objetivo é dar transparência e visibilidade ao trabalho desenvolvido para garantir que a água captada e tratada pela concessionária chegue até ao cliente com os níveis de potabilidade dentro do que é exigido pelo Ministério da Saúde.

Para garantir que a água seja analisada a partir de várias regiões da cidade, a concessionária Águas de Manaus possui 561 pontos de coleta distribuídos por todas as zonas. Diariamente, equipes do setor de qualidade da água da empresa percorrem esses pontos, realizam análises na hora e coletam frascos de água que são enviados posteriormente para laboratórios.

“De hora em hora, laboratoristas analisam características como cor, turbidez, ph e cloro, da água estão dentro dos padrões. A água que é distribuída para a população precisa sempre estar dentro das normas e critérios de qualidade, obedecendo um rígido controle. Estas informações sobre a qualidade da nossa água são disponibilizadas mensalmente nas faturas e para os órgãos que regulam o nosso serviço, como a Ageman e o Ministério da Saúde. Neste mês de março, os nossos clientes também estão tendo acesso ao relatório anual, que está sendo anexado nas faturas de água. Isso dá mais transparência às nossas ações e reforça todo o trabalho que a empresa tem para manter essa qualidade”, disse Eduardo Kale, Coordenador de Controle de Qualidade e Tratamento de Água e Esgoto da Águas de Manaus.

De acordo com o relatório da Qualidade da Água de 2019, foram distribuídos 741 milhões de litros de água por dia na cidade e realizados mais de 240 mil análises de água nas ETAs, Reservatórios, CPAs e redes de distribuição ao longo do ano. O relatório com todos os dados anuais está disponível no site da concessionária e também está sendo disponibilizado aos consumidores nas contas de água, de uma maneira bem fácil de entender. O relatório cumpre as regulamentações do decreto 5.444/2005 sobre procedimentos de controle e qualidade da água e divulgação de informações ao consumidor.

ESTRUTURA – Ao todo o sistema de produção de água em Manaus é composto por quatro estações de tratamento de água (ETA´s): duas localizadas na Ponta do Ismael, na Compensa, uma localizada no bairro Mauazinho e uma localizada na Ponta das Lajes, no bairro Colônia Antônio Aleixo. Além disso, mais 44 Centro de Produção de Águas Subterrâneas (CPAs) complementam o sistema de abastecimento de água da capital.

Estação de tratamento de água 2- Ponta do Ismael

O processo de captação da água consumida pelos manauaras é feito por equipamentos que coletam água do rio Negro. O processo é rígido e diferenciado devido aos sedimentos encontrados nas águas escuras do rio Negro. Durante os procedimentos para tratamento da água, são adicionados elementos químicos como cal, flúor e polímeros, que removem as impurezas, bactérias e toda a matéria orgânica que faz a água do rio Negro ser escura. Com todos esses cuidados e medidas, a água consumida pelos manauaras está dentro dos padrões de usabilidade e consumo estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

ANÁLISES EM LABORATÓRIO- A água tratada pela concessionária também passa diariamente por análises em laboratórios. Através de processos físico-químicos e microbiológicos, onde são verificados a turbidez, cloro livre, cor aparente, coliformes totais, presença de metais, presença de microorganismos de origem animal, que podem transmitir doenças de veiculação hídrica (diarreia, amebíase, cólera). A Águas de Manaus tem um laboratório próprio, na Ponta do Ismael, onde estas análises são realizadas. Os processos obedecem os padrões nacionais pré-definidos pelo Ministério de Saúde, que possibilitam a distribuição de uma água perfeita para o consumo e atividades diárias.

*Com informações da Assessoria 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui