Início Policial Advogada vegana sai da cadeia por falta de comida saudável: “Só tem...

Advogada vegana sai da cadeia por falta de comida saudável: “Só tem quiabo e cenoura”
Brasil

619
0
Diz o ditado que cadeia no Brasil foi feita para pobre. E algumas histórias nos faem crer que sim. Uma advogada presa suspeita de fazer parte de uma quadilha envolvida com jogos de azar foi solta, após se declarar vegana e não encontrar o cardápio adequado à sua alimentação em Goiás.
Como ela não come ovos, leite, carne e derivados, ia acabar morrendo de fome na cadeia. A juíza Placidina Pires, da Vara dos Feitos Relativos a Organização Criminosa e Lavagem de Capitão comeais do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO), o peido é razoável.
Só tinha quiabo e cenou na alimentação da cadeia. A advogada foi para casa de tornozeleira e finalmente poderá seguir a diete vegana. A Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) informa que são três refeiçoes diárias na cadeia, (desjejum, almoço e jantar), superviosandas por nutricionistas e que respeitam os limites dos diabéticos, hipertensos e com doentes gastrointestinais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui