Início Cidade BOMBA DO DIA – Vacinas vencidas contra Covid-19 foram aplicadas no AM,...

BOMBA DO DIA – Vacinas vencidas contra Covid-19 foram aplicadas no AM, diz Folha

346
0

BRASIL – Quando a gente pensa que vai melhorar, lá vem mais uma notícias negativa para piorar dia do brasileiro. Dessa vez, a bomba foi divulgada pela Folha de São Paulo, nesta sexta-feira (2). Na reportagem, o site informa que milhares de doses de vacina contra a Covid-19 foram aplicadas fora do prazo da validade.

Conforme matéria, registros oficiais, confirmam que cerca de 26 mil doses da AstraZeneca fora da validade foram aplicadas em 1.532 municípios.

Isso incluí, Belém (PA), com 2.673, São Paulo (SP), com 996, Nilópolis (RJ), com 852, e Salvador (BA), com 824. As demais cidades aplicaram menos de 700 vacinas vencidas, sendo que a maioria não passou de dez doses.

O Amazonas também apareceu na lista, com 86 doses vencidas foram aplicadas em Manaus. Conforme a Folha, as doses vencidas fazem parte de oito lotes da fabricante que foram vencidos. O mais antigo é o lote vencido no dia 29 de março e o mais recente é o que corresponde ao dia 4 de junho.

Fonte: https://www1.folha.uol.com.br

Os municípios também foram no bolo. Em 31 municípios, incluindo a capital, foram aplicadas as doses vencidas: Manicoré (104), Manacapuru (88), Manaus (89), São Gabriel da Cachoeira (46), Novo Aripuanã (40), Iranduba (38), Nhamundá (28), Eirunepé (24), Itacoatiara (24), Silves (20), Novo Airão (20), Canutama (15), Atalaia do Norte (12), Autazes (11), Coari (8), Barcelos (6), Lábrea (4), Caruari (3), Ipixuna (2), Tefé (2), Borba (2), Humaitá (2), Pauini (1), São Sebastião do Uatumã (1), Jutaí (1), Caapiranga (1), Anori (1), Rio Preto da Eva (1), Manaquiri (1), Parintins (1), Tabatinga (1).

Veja a lista 

Fonte: https://www1.folha.uol.com.br

Por telefone, a assessoria da Prefeitura de Iranduba informou que, de acordo com o secretário de Saúde, Enfermeiro Ricardo Freitas, nenhuma dose de vacina foi aplicada no município e que a notícia não procede.

Em Manaus, a Semsa por meio de nota, comunicou que ‘não houve registro de lotes vencidos na Divisão de Imunização do Município (Divim), nem a aplicação de qualquer dose fora do prazo de validade.”

Leia na íntegra

“Semsa esclarece denúncia de uso de vacinas vencidas

Em relação à reportagem da “Folha de S. Paulo” sobre o suposto uso de vacinas vencidas no país, a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa) informa que, desde o início da campanha de imunização contra a Covid-19, não houve registro de lotes vencidos na Divisão de Imunização do Município (Divim), nem a aplicação de qualquer dose fora do prazo de validade.

A secretaria esclarece que todos os lotes recebidos são devidamente registrados nos sistemas de informação, onde também são cadastrados os dados do vacinado, local e hora da aplicação da dose, além dos dados do vacinador. As informações são repassadas ao Ministério da Saúde, para monitoramento e transparência do processo de vacinação. A Semsa vai apurar, junto ao DataSus, a possibilidade de erros nos registros no sistema do Ministério da Saúde.

A Semsa orienta que, em caso de dúvidas, os usuários podem abrir manifestação junto à Ouvidoria Municipal do Sistema Único de Saúde (SUS), por meio do telefone 0800-092-1603 e 98842-6835, exclusivo para mensagens de WhatsApp.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui