Início Policial TERROR: Menina de 13 anos mata sobrinho, irmã grávida e arranca bebê...

TERROR: Menina de 13 anos mata sobrinho, irmã grávida e arranca bebê da barriga com uma faca

288
0
Foto: Divulgação/Internet

A Polícia Civil prendeu na madrugada desta terça-feira (22), um adolescente de 15 anos, suspeito de estar envolvido no assassinato de Fabiana Pires de Santana de 23 anos, e do filho dela, Gustavo Henrique Santana Maciel de 7 anos. Ambos foram encontrados mortos no último domingo (20).

Os corpos estavam dentro de um lago, no loteamento Tropical, na Estrada do japonês, em Porto Velho. O adolescente foi preso no bairro Novo Horizonte.

Em depoimento, o jovem disse para a Polícia que a autora do crime foi a própria irmã da vítima. Uma adolescente de 13 anos com a ajuda de outras cinco pessoas. Ainda segundo ele, Gustavo morreu por ter presenciado o assassinato da mãe.

Junto com o adolescente, a Polícia conseguiu resgatar o bebê da mulher encontrada nessa segunda-feira (21) em uma cova rasa próximo ao local onde estava a criança, o que levou a Polícia a descartar a hipótese de que Gustavo havia se afogado.

Ao ser detido, o adolescente alegou que quem matou o garoto de 7 anos e a mãe Fabiana Pires Santana, de 23 anos (foto), foi uma irmã dela, também menor de idade, com ajuda de outras cinco pessoas. Gustavo, presenciou o assassinato da mãe e foi jogado no lado depois dela ter sido morta.

Ele contou também que quando percebeu que iriam matar o recém-nascido, pegou a criança e saiu correndo para dentro do mato, e que iria se apresentar à Polícia com a criança.

Segundo a Polícia, a mãe do menor infrator teria planejado uma falsa gravidez e já teria arquitetado junto com a menor infratora que tem 13 anos, matar a vítima para pegar a criança.

Confissão

A Polícia fechou o cerco atrás da menor acusada de cometer os crimes, e ela também foi detida. Na Delegacia, a adolescente de 13 anos confessou ter matado a irmã com uma barra de ferro e facadas com a ajuda de outras pessoas e retirou o bebê da barriga de Fabiana com uma faca, e depois também assassinou o sobrinho e jogou no lago.

A alegação da adolescente foi de vingança, pois ela vinha sendo estuprada pelo marido de Fabiana, que por sua vez, não tomou nenhuma providência. Segundo parentes, Fabiana e o filho foram vistos pela última vez no sábado (19), depois que saíram de casa. Ela estava grávida de oito meses e teve o filho retirado da barriga.

De acordo com a Polícia, o adolescente de 15 anos na verdade, teria se apossado do bebê de Fabiana porque pretendia dar ele à mãe, que namora um garimpeiro, e estava simulando uma falsa gravidez e depois diria ao namorado que o filho era dele. Ele inclusive teria ajudado a menor de 13 anos e os demais envolvidos a tirar o bebê da barriga de Fabiana.

As mortes continuam sendo investigadas pela Delegacia de Homicídios da capital. O bebê encontrado com o adolescente foi levado para o Hospital de Base para atendimentos médicos, pois sofreu um parto feito de forma literalmente grosseira.

Fonte: Rondonotícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui